Projeto “Estudantes no Controle” incentiva cidadania em jovens de escolas estaduais

Categoria: Estudantes no Controle | Publicado: quinta-feira, agosto 29, 2019 as 11:10 | Voltar

Campo Grande (MS) – A Controladoria-Geral do Estado (CGE), em parceria com a Tribunal de Contas (TCE) e Secretaria Estadual de Educação (SED), deu início nesta quarta-feira (28.8) ao projeto “Estudantes no Controle”, com a apresentação da peça “O Auto da barca da cidadania” para alunos da Rede Estadual de Ensino (REE).

O objetivo é promover a cidadania fiscal e a participação social, estimulando o reforço de valores éticos universais, fundamentais no enfrentamento da corrupção, por meio de ações práticas de exercício de cidadania ativa. Com isso, a proposta é que os participantes assumam uma postura de protagonismo na escola, por meio da conservação do patrimônio público e disseminação de conhecimentos e práticas de participação e controle social, também nas comunidades.

Carlos Girão, controlador-geral do Estado

O controlador-geral do Estado, Carlos Girão, explicou que o piloto do projeto foi desenvolvido em 2018 em cinco escolas estaduais e devido ao sucesso do programa, neste ano o projeto foi estendido para vinte escolas. “O objetivo é fazer com que esses jovens enxerguem que há uma premiação em se mobilizar e cuidar do patrimônio público, que é de todo mundo. Além disso, é uma forma de incentivar o controle social, adultos mais comprometidos com a sociedade. A união de todos faz a força e nós queremos no futuro, cidadãos que sejam mais cientes e ciosos do patrimônio público, conscientes de seus direitos e também dos deveres”, afirmou.

Foi apresentado aos alunos da REE a peça “O Auto da barca da cidadania”, pelo Grupo Teatro Imaginário Maracangalha, sobre a importância do controle social nas ações do poder público. “A peça tem como objetivo mostrar de forma lúdica um assunto árido e complexo aos alunos, para que depois possamos aprofundar o tema com auxílio dos professores orientadores”, explicou Girão.

Reinaldo Martins, coordenador do Projeto

O coordenador do projeto “Estudantes no Controle”, Reinaldo Martins, explicou que os alunos, juntamente com os professores, vão realizar uma auditoria cidadã em suas escolas com objetivos de detectar problemas e encontrar soluções. “No ano passado, os alunos de uma das escolas identificaram uma horta abandonada, recuperaram e com a ajuda de toda a comunidade realizaram a manutenção e utilizam os produtos na composição da merenda da escola”, explicou. As cinco unidades escolares que obtiverem a maior pontuação, de acordo com as regras propostas em edital, receberão premiações que variam desde R$ 3 mil (para 4º e 5º colocados) até R$ 10 mil para a escola vencedora. Estudantes e professores com melhor aproveitamento poderão receber prêmios de até R$ 3 mil.

Participam do projeto alunos de vinte escolas da Rede Estadual de Ensino (REE), localizadas nas cidades de Campo Grande, Terenos e Jaraguari, responsáveis pela oferta dos Anos Finais do Ensino Fundamental (6º ao 9º ano) e Ensino Médio (1º, 2º e 3º), abrangendo também estudantes matriculados na Educação de Jovens e Adultos (EJA) e Ensino Técnico.

Texto: Airton Raes – Subsecretaria de Comunicação (Subcom)

Fotos: Saul Schramm

Publicado por: aferreira@cge

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.